Feeds:
Artigos
Comentários

Posts Tagged ‘destino’

amigoDesde muito cedo, durante a nossa infância, vivemos rodeados de muitas pessoas das quais, algumas, consideramos nossos amigos.

Contudo, com o passar do tempo, e com a evolução no caminho da vida, somos obrigados a renovar o nosso círculo de amigos, guardando na memória os nossos amiguinhos de infância.

Esta renovação de amizades, é uma imposição ditada pela vida, e da qual não podemos fugir.

Os anos vão passando e essa renovação de amigos, gerada pela vida, já se vai tornando cada vez menos constante, e os amigos vão ficando.

Amigos esses, que ficaram pelo simples motivo de serem os verdadeiros amigos, os amigos de vida.

No nosso círculo de amizades, podemos encontrar aqueles amigos aos quais chamamos de, verdadeiros amigos.

Verdadeiros, porque sabemos que nessa amizade nunca deixa de existir os reais valores da honestidade, da sinceridade, da cumplicidade, da união, da entreajuda, do companheirismo, da partilha, do secretismo, entre outras coisas, que resultam numa verdadeira amizade no seu sentido pleno.

Todos eles nos acompanham na nossa caminhada pela vida, e quando somos confrontados com obstáculos que se opõem à nossa felicidade, lá estão eles, sempre ao nosso alcance para o bem, como para o mal.

Contudo, fica sempre um vazio bem no fundo de nós. Um vazio preenchido pela ausência daqueles amigos que outrora acompanharam e assistiram à nossa infância.

Amigos esses que, por imposição da vida e do destino, tiveram de se ausentar da nossa vida, por tempo indeterminado, e em alguns casos, para todo o sempre.

Infelizmente, é mesmo esse o rumo que toda a gente tem que seguir ao longo da evolução pela vida. Fazer amigos aqui e ali, mas no passo a seguir, há que deixar esses mesmos seguirem as suas vidas, pois novos amigos estarão para aparecer na nossa vida.

Será sempre assim, é um ciclo que nunca acaba.

Tal como todos vocês, eu tive as minhas amizades de infância, amigos que me acompanharam nas brincadeiras e na descoberta do que era desconhecido.

Após esse período sem preocupações, a minha vida voltou a renovar o meu campo de amizades, trazendo amigos que me acompanharam nas tomadas de decisões e no nascer de responsabilidades.

No entanto, e ao longo de toda a minha vida, sempre mantive uma amizade honesta e secreta para todos.

Uma amizade da qual me orgulho de a conhecer e de a merecer.

Falo-vos de uma amizade para com um ser sem comparação e que sei que jamais encontrarei igual por esse mundo fora.

Um ser magnifico e extraordinário, cheio de bondade e com um coração que nunca antes, e depois, fora criado igual.

Ele sempre me acompanhou em todos os paços que dei até hoje, e sempre me orientou em todas as minhas tomadas de decisão.

Nos momentos mais complicados da minha vida, em que me sinto mais perdida, sei que Ele é o único que jamais me abandona. Ele é a minha força de viver, a minha energia, e a minha vontade de lutar, dia após dia, pela minha felicidade.

Nunca me largou a mão, nem mesmo nos momentos em que eu jamais conseguiria oferecer-lhe um simples sorriso.

Só Ele me entende, sem mesmo eu proferir uma única palavra. Ele conhece-me melhor que ninguém e sabe sempre como bate o meu coração a cada momento da minha vida.

Sempre que preciso d`Ele, sei onde o encontrar, e sei também que Ele estará lá, só para mim e por mim.

Quando estou com Ele, o tempo torna-se numa eternidade preciosa, as nossas conversas nunca têm fim, pois para Ele o «fim» não existe mas sim o «recomeço» de tudo.

Falamos de tudo, e de tudo ele sabe de mim e do que me rodeia.

Dia após dia, e sem hora marcada, sei que ele espera por mim.

Espera, desejadamente, pelo momento em que nos encontramos, e desse modo, entregamos um ao outro, ao som da melodia mais bela do mundo, o silêncio da noite.

Entregamo-nos em pensamentos e palavras que só nós é que entendemos e sabemos interpretar, pois falamos a língua do amor, do nosso amor mais honesto e sincero. 

Felizmente, tenho-o só para mim, e sei que por mim Ele daria a vida, como fez um dia.

Obviamente, falo-vos do meu amigo, e pai, Deus!

O qual devoto muito amor e consideração, e é com Ele que todas as noites adormeço ao som da sua voz, sonhando que nem uma criancinha feliz por ter falado no silêncio da noite, com o seu amado Pai.

Marta Costa

Anúncios

Read Full Post »

existenciaSempre nos fizeram acreditar  que cada um de nós tem, algures, um livro divino.

Livro esse que nunca ninguém o viu, mas que dizem conter o nosso destino, o destino de cada um de nós.
Verdade, ou inverdade, não sei…

Contudo, acredito no destino, embora também acredite que cada um tem o poder, mental ou físico, de mudar ou alterar algo, no tal destino, escrito no nosso livro.

Existimos para dar continuidade a um nome, a um mundo, a um sitio, a um lugar e a algo.

Mas porque tem que ser a nossa existência tão sofrida?

Dizem que quando Deus fecha uma porta, abre de seguida uma janela.. Bem, tem alturas que parece que Ele se esquece de abrir a tal janela.

No entanto, uma vida sem obstáculos, sem dificuldades, sem problemas, perderia a sua piada, e as coisas perderiam o seu valor.

É uma verdade, pois sempre que algo teima em se colocar no nosso caminho, obriga-nos a lutar, a superar esse mesmo algo.. E, no final, a vitória tem um sabor, que só quem sabe vencer, o sabe saborear. Desse modo, as coisas têm muito mais valor, pois foram conquistadas com o nosso esforço, dedicação e luta.

Mas, porque temos que ter tantas dificuldades na nossa vida, porque a nossa existência tem que ser feita de luta após luta?

Para que possamos dar o valor à vida e às pessoas.. Valor a nós mesmos, como lutadores e vencedores desta vida. Para, que, ao nascer de um novo dia, possamos abrir os olhos e dizer para nós próprios…

«Sobrevivi a mais um dia, e estou pronto para um novo dia de «luta».»

Não devemos deixar que a nossa existência passe despercebida.. Pois, os grandes heróis não são aqueles que aparecem  todos os dias na televisão, aos que chamamos de «famosos», pois para esses a vida é toda comprada, ou seja, não dão o valor certo à vida e ao que possuem..

Heróis são aqueles que, não sendo famosos, lutam diariamente por uma vida digna, por alguém ou por algo..

Mas lutam até ao fim.. sempre com uma força de vontade de vencer, tão grandiosa, que nada nem ninguém poderá fazer frente. Esses sim, são os heróis da vida!

Tem alturas, que nem as nossas prórpias forças nos servem de ajuda para lutar e levantar a cabeça às dificuldades..

E aí, elevamos os olhos ao céu e perguntamos…

«Porque existo?»

«O que fiz eu para ter que sofrer desalmadamente e lutar tanto nesta vida?»

«Porque respiro, se poderia dar o ar que consumo a quem mais precisa?»

« Porque vivo, se poderia dar o meu lugar de vida a quem vê a sua a chegar ao fim?»

« Porque vejo, se poderia dar os meus olhos a quem deseja ver a luz do sol e as cores da vida?»

Perguntas desesperantes provenientes de um momento desesperante da nossa vida! Momento esse em que somos obrigados a lutar ainda mais, mais do que estamos acostumados, momento em que quase desistimos de tudo.

Momento real, mas de palavras irreais.. Pois nada nem ninguém nos poderá derrotar ou recuar na nossa luta.. Porque a nossa força é de uma imensidão que nem nós sabemos o seu limite..

Devemos  sim, usá-la até que a nossa vitória seja consagrada… Lutar é algo que quando aprendemos, devemos e temos, que colocar sempre em prática, para que a nossa existência seja lembrada e honrada por aqueles que nos recordarão.

Nada é fácil, a vida não é fácil, mas lutar é algo que está em nós, basta ter força de vontade de vencer sempre, ao longo da nossa existência.. Para que, no final, essa mesma existência seja bela e com valor..
que pertence a alguém, que nunca desistiu e que fez da vida uma luta constante por algo… Por uma vida de Felicidade plena de dignidade!

E lembrem-se:

«Nada é permanente nesse mundo cruel.Nem mesmo os nossos problemas» Charles Chaplin

«Bom mesmo é ir a luta com determinação, abraçar
a vida com paixão, perder
com classe e vencer com ousadia,
pois o triunfo pertence a quem se atreve…
A vida é «muita» para ser
insignificante.»
Charles Chaplin

Marta Costa

Read Full Post »

Palavras soltasA vida não é fácil nem nunca será, mas nunca se deve deixar de lutar

Lutar é um dos pricipais paços que devemos dar no caminho da Felicidade

Felicidade é sentir a vida ferver nas veias, é um constante sorriso

Sorriso esse que não custa nada, mas cria muito

Muito mais que o sorriso é o olhar que sorri ao mesmo tempo

Tempo esse que parece escasso quando vivido intensamente

Intensamente é assim que se deve viver o amor

Amor que só é amor quando partilhado com alguém

Alguém que nos aceita como realmente somos, com defeitos ou não, sem os questionar

Questionar  se cada um aceita, primeiramente, os seus próprios defeitos antes de rejeitarem os dos outros

Outros que se tornam as pessoas mais perfeitas no principio, mas que com o tempo se revelam iguais a nós, perfeitos imperfeitos, simplesmente humanos

Humanos que não passam de simples mortais, que teimam em esconder os seus medos

Medos, principalmente, de perder na vida e no amor, medo do mundo que nos prende às suas regras

Regras em que agimos espiritualmente conforme a vontade de Deus

Deus que comanda as nossas vidas e que faz cumprir o seu destino

Destino  esse que só a nós pertence, como só nós o podemos escrever

Escrever  as páginas da vida com tinta de amor e papel de saudade

Saudade que é a minha única companheira durante a tua sofrida ausência

Ausência física, porque mesmo sem estar contigo, lutei contra tudo e todos, mas tu nunca sais de mim

Mim… perdi-me dentro de mim, para te poder encontrar

Encontar.. Sonho com o dia em possa ter-te só para mim, é só com isso que sonho

Sonho esse que me alimenta os dias e que me adormece durante a noite

Noite  que era tão curta quando estava contigo, e que hoje é tão longa que parece não ter fim

Fim do fim da minha espera impaciente

Impaciente este meu coração que chorou lágrimas de sangue e chamou teu nome todos os dias

Dias que perderam o seu significado e valor, pois só contigo é que eles tinham razão de existir

Existir é sentir que ainda não te esqueceste de mim, é saber que um dia poderemos voltar

Voltar ao mundo que um dia construímos, o nosso mundo

Mundo sim, em que tu és o meu mundo e tudo à volta é lindo

Lindo é amar quando ambos se completam

Completam-se na alma, unidos por um só coração, somos um só, porque procuramos a  Felicidade no mesmo caminho

Caminho esse que só nós o conhecemos, só nós o conseguimos percorrer, sempre lado a lado

Lado a lado sempre, porque não é preciso maior prova de amor do que a chama imensa da saudade, causada pela distância

Distãncia  que não significa que estejamos longe, mas que um dia estivemos bem perto

Perto  de tudo o que nos fazia felizes, tão perto que até de teu cheiro eu sinto falta quando estava junto de ti

Junto de ti é onde eu mais desejo estar

Estar  do teu lado para todo o sempre, será isso possível? Quem sabe essa resposta?

Resposta essa que eu um dia espero obtê-la, mas até lá, continuarei a viver dia-após-dia, sempre a lutar em prol da Felicidade

Felicidade essa que quero vivê-la eternamente… e se for a teu lado… melhor ainda!!!

Marta Costa

Read Full Post »

longeComo é o meu dia sem ti?

Igual! Igual a todos os outros..

Quando não estás do meu lado, o  meu dia mantém-se igual, lindo e magnifico, com o Sol sempre a sorrir para mim. Pois sei que no final desse mesmo dia, poderei voltar para os teus braços, que é onde eu pertenço.

Sem ti do meu lado, o mar não se altera, continuando com a sua força infinita. Tal e qual o nosso amor, pois mesmo separados, o amor que nos une, não perde o seu poder.

Na tua ausência, a minha vida continua ligada a um destino, o nosso destino, e os meus passos continuam iguais, sempre em direcção a um só caminho.. o da nossa Felicidade.

Quando não estás comigo a Natureza nada perde, e o seu perfume continua constante, pois é nele que está guardado em segredo, o aroma do teu corpo.

O meu dia, sem ti, é sempre igual… O que muda são as saudades…

Mato as saudades,  junto do mar, para me recordar do quanto o nosso amor é forte e intenso!

E na companhia do Sol, a tocar-me no corpo para o aquecer.. Mas isso aumenta ainda mais as saudades. Pois cada raio de Sol que sinto a tocar em cada ponto da minha pele, faz-me lembrar o toque suave e terno  das tuas mãos..

E depois aparece a brisa, trazendo lembranças da tua voz doce e meiga, a sossurrar-me ao ouvido aquelas palavras de amor e carinho que só tu me dizes.. como é bom!!!

Estás sempre presente em cada  pedacinho da Natureza…

O que sou sem ti?

Sou a mesma de sempre.. Nada muda..

Quando não estás comigo continuo a suspirar, pois sei que também suspiras comigo, numa sintonia de amor correspondido.

Sem ti do meu lado, o meu coração bate a cada segundo, gritando, a cada ciclo sistólico, o teu nome, sempre desejoso que chegue a hora de poder reencontrar a pureza e consolo do teu coração..

Quando não estás comigo, continuo a sorrir a cada instante, porque ao ver-me sorrir, consigo, igualmente, ver-te sorrir.. só tu alimentas o meu sorriso.. és a metade do meu sorriso.

Na tua ausência continuo a dedicar-te horas infinitas de amor verdadeiro, minutos eternos de respeito e segundos sofredores de saudades…

Sim, sem ti nada muda em mim, pois tu estás sempre comigo, sempre dentro do meu/teu coração..  Só a ti ele pertence e só o teu nome está lá gravado!

Estás sempre em mim….

Mas como me fazes falta…

Sei que tudo muda… quando chega, finalmente, a noite.. Onde poderei caminhar até ti, até onde me sinto completa e segura.. já que és, sem quaisqueres dúvidas, o meu porto de abrigo!

E juntos, dedicamos cada momento da noite a nós… Só a nós!

Mas sempre banhados com a presença da nossa amiga e testemunha do nosso amor, a Lua…

Só ela sabe que somente tu alimentas o meu corpo, que só tu dás o verdadeiro brilho aos meus olhos, e a verdadeira vontade de sorrir…

Só ela… é que sabe o quanto te amo e o quanto me fazes feliz…

E a ti..

Agradeço por TUDO que tens feito e especialemte por seres quem és, de coração!

Obrigada por construires comigo a nossa vida, e por caminhares sempre do meu lado, de mãos dadas, no caminho, só nosso, rumo à Felicidades.. à nossa Felicidade!

Marta Costa

Read Full Post »