Feeds:
Artigos
Comentários

Posts Tagged ‘deus’

crueldadeA cada passagem da minha vida, vou aumentado as minhas certezas, de que há pessoas que no lugar do coração, têm uma pedra.

 

 

Ou melhor, um pedregulho, de tanta maldade que são capazes.

E o mais revoltante é que nem sequer consciência essas mesmas pessoas têm.

Será doença psiquica ou é mesmo por gozo?

Vai-se lá entender.. enfim.

O que é certo, é que esta semana, deparei-me com um caso, entre milhares, de crueldade.

Crueldade de um ser, dito humano, para com um animal.

Que tristeza!!! Em pleno século XXI, e ainda há mentes tão atrasadas.

Como se não bastasse haver um grande número de animais abandonados, ainda houve mais uma alma que decidiu abandonar o seu animal de estimação.

Não há motivo NENHUM, neste planeta, e arredores, para se cometer um acto tão cruel como esse.

Mas, na verdade, ainda há quem se ache com razão e motivo para o fazer. 

Coisa lamentável.

Onde está Deus nesse triste momento?

Onde estás Tu, quando esses pobres animaizinhos são maltratados e abandonados que nem lixo?

A «explicação» que dão por aí, é que as pessoas decidem ter animais em suas casas, pois quando eles são pequenininhos, são tão fofinhos e amorosos que dá vontade de os ter no nosso lar.

Nos primeiros tempos, tratam-nos como uns bébes, até como uns peluches de tão fofos que são.

Andam por aí a mostrar o seu novo animalzinho e derretem-se quando os amigos o elogiam e dão miminhos. Tornam-se nuns donos babados pelo seu animalzinho ser tão pequenino e amoroso.

Animalzinho esse, que tal como nós, deixam de ser bébés e passam a adultos.

E, os donos babados, esquecem-se desse promenor.

Devem achar que eles ficam sempre assim, como peluches.

Pois, triste realidade, quando é chegada a altura deles crescerem e deixarem aquele ar de bébés, e precisarem de outros cuidados e brincadeiras, os donos, que no passado eram tão babados, decidem deixar os animaizinhos de parte.

E porquê? 

Porque perderam a piada.

Revoltante esta desculpa, que para mim é uma desculpa esfarrapada.

Só gostava que muitas pessoas, inclusivé quem já abandonou animais, imaginassem os seus  pais babados quando eles nasceram.

Que imaginassem, quando nasceram, a euforia da sua família, pelo novo bébé.

E, depois imaginassem, os seus próprios pais a abandoramrem-nos, quando eles já passaram a fase de criança para a fase de adultos.

Como se sentiriam???

Nem querem imaginar, pois não?

Pudera, tamanho seria o desgosto e tristeza..

Mas, infelizmente,  a verdade é que a crueldade que não querem viver, obrigam os animaizinhos a vivê-la.

Porquê?

Porque são capazes de tal crueldade quando temem que lhes façam o mesmo?

Tudo isto me revolta profundamente, e ainda mais por vivermos num país que não dedica um pouco do seu tempo e dinheiro aos animais, e aos seus direitos.

Porque além de pessoas, este país além de ser pintado por pessoas, também o é por animais, que é a mão mais pura da mãe natureza, tal é a sua perfeição.

Há uma célebre frase que diz tudo sobre isto, e eu subscrevo por ser verdade:

«Não sei como ainda os animais confiam no Homem!

À medida que conheço melhor as pessoas, mais sou apaixonada pelos animais!»

A sorte, não de muitos, de alguns animaizinhos que são maltratados e abandonados, é que ainda há, pessoas com coração.

Pessoas, que os protegem desse mundo de loucos e os ajudam a terem outra oportunidade de vida e de felicidade.

Tal como aconteceu ao gatinho que apareceu, por abandono, no jardim de casa do meu namorado.

O pobre coitadinho estava tão magrinho que nem conseguia miar e mal andava.

Decidimos tratar dele para que volte ao mundo com forças, e para assim,  mostrar a quem lhe fez tal  maldade, que ele é ainda mais feliz do que era quando tinha dono.

Só tenho pena de não ser rica, pois trataria de TODOS os animaizinhos.

Mas não sou, contudo, não desistirei!!!

Enquanto Deus me der vida, Irei continuar  a tentar dar o melhor de mim para que eles sejam felizes e tenham outra oportunidade de vida.

E, lembrem-se:

Não levem animais para casa só por eles serem amorosos. Todos eles são amorosos em bébés, mas tenham consciência que eles crescem.

E acreditem, os mehores momentos com o vosso animal de estimação não são quando eles têm aquele ar de bébés, em  pequenininhos.

Os melhores momentos serão quando atingirem a fase adulta e criarem a sua própria personalidade!

Aí sim, viverão momentos de alegria e felicidade com os vossos amiguinhos lá de casa, pois serão os vossos mais verdadeiros, e honestos, amigos, tamanha é a gratidão por tudo que fizeram por eles.

Marta Costa

Read Full Post »

«Desgosto», uma palavra só mas com um significado tão forte.

Sempre ouvi falar nesta palavra, sempre ouvi frases compostas por ela. Mas o que eu nunca senti foi o seu verdadeiro significado.

Significado esse que doí e magoa a alma.

Sim, infelizmente, e recentemente, descobri o que significa a palavra «desgosto».

É realmente desgostoso alguém, por vontade própria, ferir o nosso coração e magoar a nossa alma…

Mas porquê?

Porquê? Se a vida foi feita  para todos.

Porquê? Se o direito de lutar pela felicidade, é igual para todos.

Porquê? Se o livro Sagrado diz que somos todos filhos de um só Pai, ou seja, somos todos irmãos.

Porquê? Se deveríamos ser uns para os outros.

Porquê?…

Pois, ninguém me sabe responder..

Nem mesmo tu!!

Não duvido disso, pois foste tu quem me fez descobrir o que é sentir um grande desgosto, que obriga o meu coração a chorar de tanta dor.

Sim, foste tu!!!

Tu, que quando vieste para o meu mundo nada eras, não tinhas nada nem amor por ti mesma.

Tu, a quem eu sempre de mim dei, para que descobrisses o que é a vida.

Tu, a quem eu ensinei o que é a verdadeira felicidade e o que ela nos faz sentir.

Tu, por quem eu abdiquei de inúmeras coisas, colocando-te sempre acima de tudo e de todos, para que nada te faltasse.

Tu, que sempre foste protegida por mim, e só por mim. Pois via-te como uma menina triste, que eras, e perdida neste mundo de loucos.

Tu, que sempre eras ignorada e criticada pelos outros, menos por mim. Nunca liguei ao que os terceiros diziam de ti, pois sempre acreditei que toda a gente merece oportunidades de vida.

Tu, que sempre foste fechada no teu mundo e que sempre fugias do «público», tamanho era o complexo de ti mesma.

Tu, a quem dei tudo o que podia, e até com o meu tecto te abriguei, e meus amigos e familia partilhei.

Fico-me por aqui, pois ficaria horas e horas a ditar o que sempre fiz por ti, para te ver e fazer feliz, pois só aí eu poderia ser igualmente feliz.

Em suma, olhava-te como uma menina por quem eu criei um laço afectivo, forte e honesto, ao ponto de te chamar, e considerar,  uma verdadeira irmã.

Erro meu!!!

Fui enganada durante muitos anos, pensando que estaria a fazer as coisas certas por um ser que nunca conheceu, verdadeiramente, a vida.

Erro meu, doloroso erro!!!

Erro que hoje sinto na pele. Quanto fui ignorante em acreditar nas tuas palavras. Palavras que em momentos me soavam a honestidade, e que reflectiam a tua gratidão por tudo. Mas que palavras… Foram sim, palavras falsas, para me fazeres acreditar que estavas realmente grata comigo.

Nunca te pedi nada, nem um só «obrigada!».

Simplesmente te pedia para olhares a vida como ela realmente é, como eu te mostrava. E pedia para lutares por ti, e pelos teus sonhos, pois todos têm o direito de sonhar e realizar os seus sonhos.

Que idiotice a minha!

Tanto, para nada.

Tanto, para no final, quando já tinhas o que nunca tinhas conseguido até então, cuspires no prato que sempre te alimentou. Sem vergonha ou remorso algum.

É triste, é mesmo triste existir pessoas como tu.

Tu, sim, bem sabes que falo de ti.

Quero dizer-te que não guardo rancor, nem nada que se pareça, pois sempre fiz o que devia fazer.

Cumpri a minha missão.. O que fiz por ti, faria por qualquer pessoa. E continuarei a fazer, pois acredito que neste mundo haverá pessoas bem melhores que tu. Pessoas que vivam com a felicidade dos outros, e não como tu, que só vive com a infelicidade alheia.

Contudo, apesar deste doloroso desgosto, que me fez sofrer muito, confesso aqui, que fico feliz, porque dei a um ser o que ele sozinho nunca conseguiria. 

E tu, se és feliz, guarda essa felicidade.

Deus queira que seja por muito tempo.

Sabes porquê?

Porque se assim o for, irás sempre lembrar-te de mim, e sempre pela positiva. O que eu já não poderei dizer o mesmo de ti…

Aproveito, desde já, para dizer-te que hoje morres em mim.
(…)
E a vocês, caros amigos, lembrem-se sempre:

«Amar o próximo é um modo de vida, é uma benção. Mas mantenha sempre aquele pézinho atrás, pois ninguém quer o nosso bem mais do que nós mesmos.» 

Autor desconhecido

Marta Costa

Read Full Post »

raulTodos nós temos algo ou alguém que ilumina os nossos dias e que dá vida à nossa vida.

E eu, como todos vocês, tenho esse alguém, uma dádiva de Deus.

Noite após noite, antes de eu embarcar num sono profundo, agradeço a Deus por ter colocado esse alguém na minha vida e por me ter dado a oportunidade fazê-lo feliz.

Dia após dia, antes mesmo de começar a acção de um novo dia, volto a agradecer essa dádiva e olho para o meu lado… para o espaço vazio na minha cama e suspiro, como seria bom começar um novo dia com o teu acordar e com um abraço  acompanhado de um sincero sorriso matinal.

Mas o espaço continua vazio, somente preenchido com o desejo de te ter do meu lado!

E logo me invade um sentimento pleno de saudade, saudade de ti.

Saudade e desejo de despertar de um sonho e contemplar o meu olhar em ti ainda  a saborear um sonho que teima em fazer-te adormecido, com essa tua carinha de menino.

Nasce logo em mim uma vontade, insaciável, de tocar os teus lábios e sentir o teu sabor… Sabor esse que alimenta todos as minhas necessidades.

Aí, numa melodia de sentimentos, cresce a tentação de te rodear com os meus braços e assim, proteger-te desse mundo que nos devora lá fora.

Como eco dessa melodia, tu, só tu, sabes como me envolver em teus braços, e eu, como de instinto, agarro-me a eles como se agarrasse a minha própria vida!

Sensação inexplicável!

Sentir-te junto a mim e sentir o teu carinho cheio de segurança.

Meu amor, desperta desse sonho..

Abre os teus lindos olhos e olha-me.

Vê aquela que só tu sabes fazer feliz, que só tu conheces como ninguém.

E diz.. Diz que sentes o mesmo que eu.. diz que me amas, para que o nosso amor se complete.

Deixa-me desvendar-te o que há de ti em mim.. O que sinto por ti.

Deixa-me sussurrar-te ao ouvido o quanto te amo e o quanto és importante na minha vida… O quanto te quero amar respeitosamente!

E, assim, começarmos mais um dia, um dia de vida e amor.. Um dia, de muitos dias, na nossa vida.. juntos!

A ti,

Aqui desvendo o que há de ti em mim..

O amor verdadeiro que dedico a ti com todo o respeito da vida!

A ti, que és parte de mim…

Marta Costa

Read Full Post »

existenciaSempre nos fizeram acreditar  que cada um de nós tem, algures, um livro divino.

Livro esse que nunca ninguém o viu, mas que dizem conter o nosso destino, o destino de cada um de nós.
Verdade, ou inverdade, não sei…

Contudo, acredito no destino, embora também acredite que cada um tem o poder, mental ou físico, de mudar ou alterar algo, no tal destino, escrito no nosso livro.

Existimos para dar continuidade a um nome, a um mundo, a um sitio, a um lugar e a algo.

Mas porque tem que ser a nossa existência tão sofrida?

Dizem que quando Deus fecha uma porta, abre de seguida uma janela.. Bem, tem alturas que parece que Ele se esquece de abrir a tal janela.

No entanto, uma vida sem obstáculos, sem dificuldades, sem problemas, perderia a sua piada, e as coisas perderiam o seu valor.

É uma verdade, pois sempre que algo teima em se colocar no nosso caminho, obriga-nos a lutar, a superar esse mesmo algo.. E, no final, a vitória tem um sabor, que só quem sabe vencer, o sabe saborear. Desse modo, as coisas têm muito mais valor, pois foram conquistadas com o nosso esforço, dedicação e luta.

Mas, porque temos que ter tantas dificuldades na nossa vida, porque a nossa existência tem que ser feita de luta após luta?

Para que possamos dar o valor à vida e às pessoas.. Valor a nós mesmos, como lutadores e vencedores desta vida. Para, que, ao nascer de um novo dia, possamos abrir os olhos e dizer para nós próprios…

«Sobrevivi a mais um dia, e estou pronto para um novo dia de «luta».»

Não devemos deixar que a nossa existência passe despercebida.. Pois, os grandes heróis não são aqueles que aparecem  todos os dias na televisão, aos que chamamos de «famosos», pois para esses a vida é toda comprada, ou seja, não dão o valor certo à vida e ao que possuem..

Heróis são aqueles que, não sendo famosos, lutam diariamente por uma vida digna, por alguém ou por algo..

Mas lutam até ao fim.. sempre com uma força de vontade de vencer, tão grandiosa, que nada nem ninguém poderá fazer frente. Esses sim, são os heróis da vida!

Tem alturas, que nem as nossas prórpias forças nos servem de ajuda para lutar e levantar a cabeça às dificuldades..

E aí, elevamos os olhos ao céu e perguntamos…

«Porque existo?»

«O que fiz eu para ter que sofrer desalmadamente e lutar tanto nesta vida?»

«Porque respiro, se poderia dar o ar que consumo a quem mais precisa?»

« Porque vivo, se poderia dar o meu lugar de vida a quem vê a sua a chegar ao fim?»

« Porque vejo, se poderia dar os meus olhos a quem deseja ver a luz do sol e as cores da vida?»

Perguntas desesperantes provenientes de um momento desesperante da nossa vida! Momento esse em que somos obrigados a lutar ainda mais, mais do que estamos acostumados, momento em que quase desistimos de tudo.

Momento real, mas de palavras irreais.. Pois nada nem ninguém nos poderá derrotar ou recuar na nossa luta.. Porque a nossa força é de uma imensidão que nem nós sabemos o seu limite..

Devemos  sim, usá-la até que a nossa vitória seja consagrada… Lutar é algo que quando aprendemos, devemos e temos, que colocar sempre em prática, para que a nossa existência seja lembrada e honrada por aqueles que nos recordarão.

Nada é fácil, a vida não é fácil, mas lutar é algo que está em nós, basta ter força de vontade de vencer sempre, ao longo da nossa existência.. Para que, no final, essa mesma existência seja bela e com valor..
que pertence a alguém, que nunca desistiu e que fez da vida uma luta constante por algo… Por uma vida de Felicidade plena de dignidade!

E lembrem-se:

«Nada é permanente nesse mundo cruel.Nem mesmo os nossos problemas» Charles Chaplin

«Bom mesmo é ir a luta com determinação, abraçar
a vida com paixão, perder
com classe e vencer com ousadia,
pois o triunfo pertence a quem se atreve…
A vida é «muita» para ser
insignificante.»
Charles Chaplin

Marta Costa

Read Full Post »

honestidadeSermos honestos é um dom de Deus, algo que nasce em nós, mas que só nós podemos cultivar esse dom e fazê-lo permanecer em nós.

Infelizmente, muitas pessoas perdem-se nesta vida e esquecem o que é a Honestidade.. que é lamentável.

Na minha maneira de ver, é mais importante sermos honestos primeiramente connosco próprios e, depois, com os outros.

Por vezes, ao ser testemunha de certas situações, penso para mim, «como será possível haver pessoas que mentem sem nenhum esforço, como é possivel haver pessoas com este carácter fraco..»

Pois, mas a verdade é que elas existem, e andam por aí, quem sabe, algumas, entre nós.

Essas pessoas vivem uma vida de mentira, pois elas próprias acabam por acreditar nas suas próprias mentiras.. E pior, algumas delas não hesitam em mentir-nos.. sem nós nos apercebermos disso.

Muitas vezes «detectamos» um mentiroso à distância, mas tem outras vezes que só com o passar do tempo é que nos apercebemos que não são verdadeiras, tamanha é a prática de mentirem.

Acredito piamente, que uma pessoa desonesta sofre de perturbações mentais, das quais não consegue curar.. se calhar nem tentam, pois a sua vida, desonesta, talvez lhes dê mais frutos do que se fossem honestos.

Realidade é uma, e como se costuma dizer, a vida foi feita para os espertos.

Mas não pode ser somente assim.. a vida foi feita para todos.

Uns conseguem levá-la com mais facilidade, já outros vivem a sofrer para poderem ter uma vida honesta.
A sociedade dos nossos tempos só pensa no seu próprio bem.. os outros, bem, os outros que se desenrasquem…

Pensamento cruel de muita gente também cruel..

Mas, a verdade é que cada vez mais, cada um só pensa em si próprio, no seu próprio umbigo, e não se importa com os outros.. E, para conseguirem a sua auto-concretização e para a alcançarem, não olham a meios.. Acabam por levar assim, uma vida desonesta para conseguirem aquilo que querem.

Porém, algumas dessas pessoas acabam por conseguir o que querem e desejam, praticando uma vida plena de materialismos, mas vazia de dignidade e honestidade..

E se há coisa que o dinheiro nunca comprará, é a dignidade e a honestidade!!!

Sim, essa vida, desonesta, que levam é plena de despreocupações.. Mas que valor tem isso?

Nenhum.. zero!

A minha vida, tal como outros comuns, é cheia de preocupações, vitórias, falhanços, alegrias, tristezas, lágrimas, sorrisos… ou seja, tem os seus altos e baixo, mas não me importa, pois pelo menos vivo a minha vida com honestidade e louvando a minha dignidade.

Luto, sempre lutei para ter o que tenho hoje, e sei que vou lutar sempre, e sempre, apara conseguir o meu futuro, mas irei fazê-lo sempre com a minha força de menina que defende a sua dignidade..

Dignidade essa, que nada nem ninguem irá destruir ou ferir!

E no final, quando conseguir o que desejei e lutei, as coisas terão um valor que só eu sei, e um sabor que só eu puderei saborear.

Posso não ser famosa, não ser rica, não ser grande coisa, mas pelo menos sou honesta com toda e gente, como espero que sejam comigo.. Para mim isso é o mais importante que outras coisas materiais. É o que dá valor às pessoas..

E acredito no meu valor, pois sei praticar a honestidade sem problema algum!

Contudo, por vezes, sofro por ser honesta!

Sofro porque as pessoas estão habituadas a ver desonestidade em tudo, e depois não acreditam em palavras e actos honestos, tal é a habituação.

Realidade cruel!

Há quem acredite mais rapidamente numa mentira do que numa verdade, mas comigo as coisas não funcionam assim.. Sou honesta e luto, luto para provar o quanto sou honesta..

Não condeno as pessoas que às vezes demoram a acreditar na verdade.. Não condeno porque estão «viciadas» em acreditar em mentiras!

Não gosto de mentiras e faço de tudo para acreditarem na verdade, pois só ela é digna de credibilidade!

Quero viver uma vida verdadeira e por isso não deixo que a palavra «mentira» entre no meu vocabulário!

Quem me mente, é porque não têm caracter e dignidade, mas fica nas suas consciências.. Como não desejo mal a ninguem, até mesmo a quem mente, que sejam felizes, mas um dia, vão acordar e irão ver que a felicidade que vivem.. é uma plena mentira!

A honestidade é algo que faz bem, a nós próprios e a quem nos rodeia. E porque não sermos honestos uns para os outros para que a honestidade não caia no desuso.. Vale a pena pensar nisto!!!

Marta Costa

Read Full Post »

DesilusãoA desilusão é um sentimento que faz doer o coração.

Coração que fica arrasado e desfeito, sufocado em tanta dor que me atormenta por dentro.

Dentro de mim jaz a mágoa de não perceber o porquê de tanto ódio, que um dia me pareceu ser amor.

Amor? Nos olhos, que me falaram nesse dia, só vi o ódio, e raiva nas palavras que até hoje estão gravadas na minha mente.

Essas palavras foram facadas no peito, que me entraram no coração e me rasgaram a alma.

Alma minha, que hoje vives num silêncio escuro, mas em gritos de dor. Dentro de mim, ela sente-se segura, tem medo do mundo, do nosso mundo.

Mundo nosso que com tanta saudade me mata e tudo que um dia senti.

Senti que o mundo me fugiu dos pés, caí no abismo da dor… Que deixaste de sentir?

Sentir algo que um dia me encheu o coração, que era uma dádiva de Deus.

Deus esse que me acompanha dia-após-dia, e , pergunto-lhe se te terei comigo novamente, senão não vale a pena viver.

E sabes que me respondeu? O que não vale a pena é estar à espera da morte, é preciso lutar, isso é que vale a pena.

Lutar por aquilo que acreditamos que nos faz realmente feliz. Feliz?

Felizes os que constroem a Felicidade em alicerces de amor verdadeiro, portas de carinho e janelas de beijos, sem nunca plantar a Felicidade deles sobre a infelicidade de ninguém.

Pois ninguém merece a infelicidade de viver uma desilusão que surge da forma mais surpreendente que nunca pensei.

Pensei, sim, que esse sentimento só existia em livros. Livros que explicam que há meios que não justificam os fins…

Fim esse que eu jamais quero saber o significado… não do teu lado!

Marta Costa

Read Full Post »

Palavras soltasA vida não é fácil nem nunca será, mas nunca se deve deixar de lutar

Lutar é um dos pricipais paços que devemos dar no caminho da Felicidade

Felicidade é sentir a vida ferver nas veias, é um constante sorriso

Sorriso esse que não custa nada, mas cria muito

Muito mais que o sorriso é o olhar que sorri ao mesmo tempo

Tempo esse que parece escasso quando vivido intensamente

Intensamente é assim que se deve viver o amor

Amor que só é amor quando partilhado com alguém

Alguém que nos aceita como realmente somos, com defeitos ou não, sem os questionar

Questionar  se cada um aceita, primeiramente, os seus próprios defeitos antes de rejeitarem os dos outros

Outros que se tornam as pessoas mais perfeitas no principio, mas que com o tempo se revelam iguais a nós, perfeitos imperfeitos, simplesmente humanos

Humanos que não passam de simples mortais, que teimam em esconder os seus medos

Medos, principalmente, de perder na vida e no amor, medo do mundo que nos prende às suas regras

Regras em que agimos espiritualmente conforme a vontade de Deus

Deus que comanda as nossas vidas e que faz cumprir o seu destino

Destino  esse que só a nós pertence, como só nós o podemos escrever

Escrever  as páginas da vida com tinta de amor e papel de saudade

Saudade que é a minha única companheira durante a tua sofrida ausência

Ausência física, porque mesmo sem estar contigo, lutei contra tudo e todos, mas tu nunca sais de mim

Mim… perdi-me dentro de mim, para te poder encontrar

Encontar.. Sonho com o dia em possa ter-te só para mim, é só com isso que sonho

Sonho esse que me alimenta os dias e que me adormece durante a noite

Noite  que era tão curta quando estava contigo, e que hoje é tão longa que parece não ter fim

Fim do fim da minha espera impaciente

Impaciente este meu coração que chorou lágrimas de sangue e chamou teu nome todos os dias

Dias que perderam o seu significado e valor, pois só contigo é que eles tinham razão de existir

Existir é sentir que ainda não te esqueceste de mim, é saber que um dia poderemos voltar

Voltar ao mundo que um dia construímos, o nosso mundo

Mundo sim, em que tu és o meu mundo e tudo à volta é lindo

Lindo é amar quando ambos se completam

Completam-se na alma, unidos por um só coração, somos um só, porque procuramos a  Felicidade no mesmo caminho

Caminho esse que só nós o conhecemos, só nós o conseguimos percorrer, sempre lado a lado

Lado a lado sempre, porque não é preciso maior prova de amor do que a chama imensa da saudade, causada pela distância

Distãncia  que não significa que estejamos longe, mas que um dia estivemos bem perto

Perto  de tudo o que nos fazia felizes, tão perto que até de teu cheiro eu sinto falta quando estava junto de ti

Junto de ti é onde eu mais desejo estar

Estar  do teu lado para todo o sempre, será isso possível? Quem sabe essa resposta?

Resposta essa que eu um dia espero obtê-la, mas até lá, continuarei a viver dia-após-dia, sempre a lutar em prol da Felicidade

Felicidade essa que quero vivê-la eternamente… e se for a teu lado… melhor ainda!!!

Marta Costa

Read Full Post »

« Newer Posts - Older Posts »