Feeds:
Artigos
Comentários

Posts Tagged ‘solidão’

solidãoNo decorrer da nossa passagem nesta vida, vamos encontrando momentos de alegria mas também, de tristeza e desânimo.

Quando contamos a alguém os momentos de alegria que tivemos, sempre incluímos outras pessoas, pois são essas mesmas pessoas que nos ajudam a construir os tais momentos de felicidade.

Mas, em contrário, já os momentos de tristeza e desânimo, são preenchidos somente por nós, e pelas nossas horas de pranto. Raros são os casos em que envolve pessoas.

Isto tudo tem a sua razão de ser.. Razão essa, que na minha opinião não faz sentido algum..

Muitos dos nossos momentos de tristeza acontecem porque nos chateamos com alguém, ou porque perdemos alguém que nos era querido, porque a vida não nos corre bem, ou porque simplesmente não temos ninguém para falar, desabafar… ninguém mesmo.

A realidade disso é que, infelizmente, as pessoas só estão unidas para o bem.. pois quando o «mal» afecta uma dessas pessoas, as outras afastam-se sem lhes prestar o apoio que deveriam.

Desse modo, quem vê essas pessoas a afastarem-se, acaba por cair na solidão. Solidão que ninguém merece e que ninguém deveria saber e/ou sentir o seu significado.

Sentir-se na solidão é sentir que o elo que nos une a alguém se quebrou e que dificilmente nos unirá ao mundo.

É perdemo-nos de nós mesmos, é estarmos na escuridão e vermos a nossa imagem, como filhos naturais da escuridão.

Solidão é perdemos a nossa alma e procurá-la em vão.

Solidão é vivermos num mundo que é nosso, só nosso e feito à nossa imagem, só para nós.

Mundo esse que ninguém ousa a entrar e que dificilmente nos conseguimos libertar. Libertação essa, deveras dificil, que se deve ao facto de a solidão se tornar a única companheira, e fiel, daqueles que um dia caíram nesse mundo.. o mundo da solidão.

Tudo isto acontece porque somos «abandonados» por aqueles que sempre nos rodearam, mas que naquele momento, em que algo de mal corre nas nossas vidas, essas mesmas pessoas recolhem as suas mãos e deixam-nos cair no abismo da solidão.

Deve ser triste viver em plena solidão, sem alegria de viver, somente com nós mesmos e com a nossa dor.

Nada disto existiria se olhassemos com olhos de esperança e interajuda para quem tem problemas, pois amanhã poderemos ser nós a passar pelo mesmo e a precisar de uma mão amiga…

Deveríamos ser uns para os outros em todos os momentos das nossas vidas.. Nos bons momentos, como também nos maus momentos.. Pois é nos momentos menos bons das nossas vidas, que vemos realmente o carácter das pessoas que nos rodeiam..

Nada é mais inconstante nesta vida do que a própria vida, mas devemos olhar os problemas como provas, e tentar encontrar a solução desses mesmos problemas. Mas, isto só será possível com o factor «união», pois sozinhos não somos nada, ninguém.

Sempre que alguém estiver em baixo, triste ou desanimado, vamos estender sempre as nossas mãos, para assim ajudarmos o próximo.

E desse modo, evitaremos que a solidão se propague por este mundo, e que afecte muitas pessoas que têm o mesmo direito que todos nós.. sermos felizes em união com o mundo e com as pessoas!

Marta Costa

Anúncios

Read Full Post »

individualidade.jpgUm dia acordamos e deparamos que as pessoas não são como nós!

Cada um de nós tem as suas próprias caractrísticas no que diz respeito à sua personalidade, cada um pensa e age dum modo diferente!

Tudo isto consequência das nossas vivências, que por si só são desiguais.

Contudo, é extremamente dificil compreender as pessoas, pois cada uma delas tem uma forma singular e individual de ser!

Neste mundo há pessoas que vivem na pobreza, mas quando olhamos para elas, esboçam-nos sempre um terno sorriso para nos mostrar que podem não ter nada na vida, mas que têm algo precioso… o sorriso.

Existem pessoas que levam uma vida de sofrimento, mas, no entanto, comunicam connosco sempre duma maneira alegre de modo a esquecerem a sua dor.

Neste mundo vivem pessoas que são incompreendidas, mas são excelentes compreendedoras.

Existem também pessoas duma pureza incalculável, que basta um simples olhar para nos cativar.

Outras pessoas são calmas que por onde passam deixam um pouco da sua pacificidade.

Existem pessoas caridosas que só são felizes dando um pouco de si a quem mais necessita.

Também existem pessoas sofredoras que ainda chamam de «amigo» a quem lhes fez sofrer.

Entre estas, existem infinitas caracteristicas de cada um de nós.

Cada um  é uma individualidade, mas que no seu conjunto formam uma multidão, que no seu plural formam um país, que na sua multiplicação formam um continente, e que na sua totalidade formam um mundo.

E todos unidos podemos mudar este mundo e sermos uns para os outros, e ajudar quem mais precise de uma mão amiga, e assim diminuir a dor de quem  sofre!

Um simples gesto nosso pode fazer diferença na vida de outra pessoa, tal como um sorriso.

Um sorriso pode mudar o dia de uma pessoa que o que ela mais precisava era de receber um sorriso.

E porque não abdicar-mos de uma das nossas características e usassemos no seu lugar…. um sincero sorriso?!

A nossa vida melhorava, e a vida de quem nos visse a sorrir certamente melhorava, pois não há nada mais satisfatório do que receber um sorriso repleto de honestidade!

Infelizmente nesta vida há quem se limite a dar mais valor aos bens materiais e esquecem-se das pessoas. Só quando precisam delas, e elas já lá não estão, é que se começa a dar valor.

Esquecemo-nos dos outros, quando poderiamos ter horas de conversas com alguém, sobre tudo e sobre nada, e no final, quando não houvesse tema de conversa, voltaria-se a falar novamente de tudo e de nada, desde o inicio.

Todas as pessoa têm o seu valor e a sua importância na nossa vida, são elas que ajudam a construir ao que nós chmamos de «a minha vida»… Sem elas essa frase teria outro sentido.. de vazio e solidão.

Há que se ter sempre em mente, que a Felicidade só é possivel se a dividirmos, por isso há que dividi-la com os outros!!

Marta Costa

Read Full Post »